Saiba quais são seus direitos reprodutivos

Temos o direito de decidir sobre nossa vida reprodutiva. A decisão sobre ter ou não filhas e filhos, quantas crianças ter e em que momento das nossas vidas tê-las é um direito fundamental das mulheres e dos casais. É o direito ao planejamento reprodutivo, para que só engravidem as mulheres que querem engravidar, na hora que desejarem.

OS DIREITOS REPRODUTIVOS INCLUEM:
→ Direito ao bem-estar físico, mental e social em todos os aspectos relacionados ao sistema reprodutivo.
→ Direito ao acesso a todos os métodos contraceptivos e conceptivos disponíveis na rede de saúde.
→ Direito das mulheres a uma gravidez planejada e a um parto seguro.

DIREITOS REPRODUTIVOS E ZIKA
Conhecer nossos direitos reprodutivos é a melhor maneira de fazer as escolhas certas. E com a epidemia de vírus zika essa decisão se tornou ainda mais importante, já que a doença pode ter impacto direto sobre nossas vidas:  se o zika infectar uma mulher grávida, a criança pode nascer com malformação, como a microcefalia. Por causa do zika, muitas mulheres e casais estão adiando sua decisão de ter filhos, e quem quer engravidar precisa tomar alguns cuidados para ter uma gravidez segura.
Quem quer adiar a gravidez tem o direito de ter acesso às informações e contraceptivos gratuitos nos serviços públicos de saúde, para exercer sua decisão;

Quem quer engravidar agora precisa se proteger do zika, evitando a picada do mosquito (com repelentes, roupas compridas e mosquiteiros) e evitando o sexo desprotegido durante a gravidez. Lembre-se! O zika também é transmitido pelo ato sexual, então use camisinha durante toda a gravidez. Busque as informações e camisinhas nos serviços públicos de saúde